Connect with us

Televisão

Ministério Público Federal abre ação contra a Globo por novela infantil e pede multa milionária

Published

on

(Foto: Reprodução/Globo)

Por esse a Globo não esperava. O Ministério Público Federal abriu uma ação contra a Globo por “dano moral coletivo” em virtude da “veiculação de novela de interesse do público infantil contendo cenas de consumo reiterado e explícito de tabaco e álcool, em contextos que promovem seu consumo sem referência a seus efeitos danosos”.

Trata-se da novela “Meu Pedacinho de Chão”, de Benedito Ruy Barbosa, que foi exibida em 2014. Na época o MPF abriu um inquérito que agora embasa a ação. De acordo com a jornalista, Mônica Bergamo, do “Folha de São Paulo”, as cenas da com álcool e tabaco na novela pode custar uma multa milionária à TV Globo.

Ministério Público Federal pede R$ 16,2 milhões da emissora carioca, que calcula corresponder a 0,1% da receita líquida do grupo naquele ano.  O procurador da ação, Felipe Fritz Braga, pede também que a emissora exiba anúncios mostrando os problemas causados pelo consumo de álcool e tabaco. Para coluna de Mônica Bergamo, a Globo afirma que ainda não foi notificada o sobre a ação.

Clique para comentar!

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

  Subscribe  
Notify of

Televisão

O Canal realiza cobertura especial sobre o Emmy Internacional nesta segunda

Published

on

Filme do lutador Aldo concorre a uma das categorias do Emmy Internacional. (Foto: Reprodução)

Filme do lutador Aldo concorre a uma das categorias do Emmy Internacional. (Foto: Reprodução)

Com a premiação do Emmy Internacional na próxima segunda-feira, 19, o site O Canal irá realizar uma cobertura especial sobre tudo que está acontecendo no evento durante todo o dia.

Ao longo da segunda-feira, 19, diversas reportagens irão ao ar no site tratando sobre o tema, entre elas: os ganhadores, perdedores, histórias de bastidores e outras informações exclusivas que você só verá aqui.

Além de pautas informativas, uma equipe especialista do assunto irá realizar durante o evento colunas opinativas sobre as mais diversas categorias.

Já na noite de segunda-feira,o Twitter de O Canal (@ocanalweb) irá acompanhar em tempo real a cerimônia do Emmy Internacional, com comentários, enquetes, informações e muita interação para os internautas.

O Emmy será realizado em Nova York pela International Academy of Television Arts & Sciences (Academia Internacional das Artes e Ciências Televisivas), quem organiza o evento. Na lista, constam cinco produções brasileiras que concorrem em seis categorias.

Aldo – Mais Forte que o Mundo

A série ‘Aldo – Mais Forte que o Mundo’ garantiu uma indicação na categoria “Filmes para a TV/Minisséries”. A trama se desenrola em torno da história de José Aldo, um dos maiores lutadores de MMA do Brasil e é dividida em quatro episódios. O ator José Loreto foi responsável por interpretar o atleta no projeto.

Denise Weinberg

Denise Weinberg foi indicada na categoria “Melhor Atriz” pelo seu trabalho em PSI, uma série produzida pela HBO Latino Americana.

Eu Sou Assim

Produzida pelo Canal GNT, Eu Sou Assim foi indicada na categoria Melhor Documentário. Ela se destacou no mundo por contar histórias de pessoas com transtornos e síndromes que ainda são alvo de estigmas e preconceitos.

Palavras Em Série

Também do GNT, ela concorre na categoria Programação de Arte. A série promete o lado criativo de uma atriz perante a um texto e conta com a participação de Camila Pitanga, Lília Cabral, Regina Casé.

Um Contra Todos

A segunda temporada da série “Um Contra Todos” recebeu duas indicações: na categoria de ‘Melhor Série de Drama’ e o ator Julio Andrade concorre pelo seu papel Melhor Ator.

Leia também: Por que repetir elenco na TV é uma tendência mundial

Continue Lendo

Globo

Globo decide o futuro de suas séries

Published

on

 

 

Globo e o sucesso de suas novelas. (Foto: Reprodução)

Globo decidirá o futuro de suas séries em dezembro. (Foto: Reprodução)

A expansão na produção de séries dentro das Organizações Globo não se restringe apenas a Globoplay. Dentro da Rede Globo, o futuro do gênero e o maior investimento no mesmo é algo discutido diariamente e que, em breve, deverá ganhar novos contornos, quando, em Dezembro, a emissora se reunir para bater o martelo sobre quais serão suas produções para 2019.

Diretamente envolvida no processo está Glória Perez, autora de diversas novelas de sucesso e da série Dupla Identidade. Glória está selecionando, um a um, os projetos que considera relevantes e de qualidades suficientes para que recebam um sinal verde da Globo de produção. A “triagem” acontece para, além de manter o padrão global de qualidade, cuidar para que a emissora consiga se solidificar dentro do ramo primeiro que as concorrentes, que ainda não estão envolvidas diretamente na produção de seriados, mas que, eventualmente, podem começar a a recorrer a isso.

Aprovados os projetos, Glória os discutirá com Sílvio de Abreu (atual diretor de teledramaturgia da emissora) e Mônica Albuquerque (diretora de desenvolvimento artístico), para decidir os próximos passos, como a produção se dará e todo o processo de pré-produção, que envolve escalação de elenco, equipe técnica, cenografia, etc.

Marcius Melhem, recém promovido na Globo ao cargo de chefe dos projetos da área de humor, também estará envolvido neste processo de seleção e deverá opinar sobre os projetos aprovados e suas eventuais dificuldades de produção e viabilidade para serem levados ao ar.

Dessa reunião, que deverá acontecer mês que vem, deverão sair todas as produções seriadas do 2º semestre de 2019 na Globo – visto que o processo de produção dos projetos aprovados tomará todo o 1º semestre do ano vindouro.

Leia Também:

– The Purge funciona melhor como série de tv, mas ainda há o que se ajustar

Por que Sob Pressão faz tanto sucesso

Continue Lendo

Televisão

Como a MTV recuperou espaço entre os jovens

Published

on

Logo MTV. (Foto: Reprodução)

Logo MTV. (Foto: Reprodução)

A MTV por muitos anos foi um canal forte na TV aberta brasileira, com programação voltada principalmente para o entretenimento jovem. No entanto, nos últimos anos em que ficou como canal aberto, apresentou uma mudança radical em sua maneira de criar e apresentar programas. Agora, na TV paga, a emissora vem aos poucos recuperando sua identidade.

Nos últimos meses o canal conseguiu recuperar a audiência do passado entre a tag jovem. A emissora musical conseguiu ficar na liderança entre mulheres de 18 a 24 anos, um dos grandes públicos-alvos do canal. Além disso, entre o público-alvo da emissora, pessoas jovens de 18 a 34 anos, a MTV foi vice-líder na TV paga, perdendo apenas para o Fox Sports.

Agora nas mãos da Disney, a MTV vem investimento massivamente em programação voltada para o público da internet. Entre influencers digitais pequenos e até grandes YouTubers com milhões de inscritos como Felipe Neto aparecendo em premiações, eles estão sempre presentes em algum setor da empresa.

Outra aposta da MTV são os realitys. Títulos como De Férias Com o Ex Brasil, Are You The One? Brasil e Floribama Shore se tornaram virais e conseguem alcançar os treding topics do Twitter toda vez que um episódio vai ao ar.

A história do canal

MTV Brasil é uma rede de televisão brasileira, que já foi pertencente ao Grupo Abril e dedicada ao público jovem. Nasceu no dia 20 de outubro de 1990 como a primeira rede de televisão segmentada a ser transmitida no sinal aberto, sendo a versão nacional da MTV. Foi a terceira versão da MTV a ser lançada no mundo e a primeira a ser lançada em TV aberta.

A sede da emissora ficava em São Paulo, na Avenida Professor Alfonso Bovero, 52, no bairro Sumaré, onde foi anteriormente a sede da Rede Tupi. Este edifício foi tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico (Condephaat), sendo o primeiro da capital do estado de São Paulo a ser tombado.

No começo da década de 2010, era considerada a maior rede jovem e a sétima maior rede de televisão do Brasil, sendo considerada ainda pelo jornal Meio & Mensagem como a quinta emissora de TV mais admirada do país. Além disso foi a primeira TV segmentada do país dedicada ao público jovem, além de ter sido a primeira emissora de TV brasileira a transmitir a sua programação 24 horas por dia (sem ficar fora do ar na madrugada).

O canal encerrou suas operações em 30 de setembro de 2013, sendo substituído por um novo canal operado pela empresa norte-americana Viacom na TV paga. Já a rede ocupada por ela no sinal aberto, por sua vez, passou a exibir a programação da Ideal TV.

Leia também:

— Como Maisa Silva tornou-se uma unanimidade
— Danilo Gentili se posiciona a favor de Silvio Santos, após polêmica sobre assédio
— Como Fernanda Montenegro se tornou a dama da dramaturgia no Brasil

Continue Lendo

Enquete

Advertisement

Siga-nos no Twitter

Advertisement

Curta-nos no Facebook!

Advertisement

Copyright © 2018 O Canal - Onde a TV vira notícia!