Connect with us

Multishow

Multishow exibe piada homofóbica no seriado Chapolin

Published

on

Chapolin, exibida no Multishow, protagoniza piada homofóbica. (Foto: Reprodução/Multishow)

Chapolin, exibida no Multishow, protagoniza piada homofóbica. (Foto: Reprodução/Multishow)

Neste último sábado (15), o canal pago Multishow exibiu uma piada homofóbica no seriado Chapolin, a mesma que o seriado havia cortado há quatro meses atrás. Em tom preconceituoso, Chapolin diz que “Batman está em lua de mel com Robin”.

Leia também: Ator retorna à carreira teatral após falir bar e relembra ensaio nu para revista gay

A fala foi reproduzida novamente pois a emissora já havia recebido o episódio com a dublagem clássica, feita nos estúdios Maga para o SBT nos anos 90. O episódio em questão chama-se “A Cidade Perdida” (1976), sendo uma regravação do capítulo que não tinha versão brasileira para TV. O canal pago aproveitou a dublagem inédita e ordenou que a tradução retirasse a fala homofóbica.

Na cena, o personagem que é interpretado por Carlos Villagrán se irrita com Chapolin e diz: “Se eu soubesse disso, eu teria chamado o Batman!”. Revoltado, o herói retruca: “Em primeiro lugar, Batman está em lua de mel com Robin”.

A piada feita por ele é a mesma do episódio “O Descobrimento da Tribo Perdida”, gravado em 1973. Na exibição do episódio, o Multishow havia trocado a piada por: “Batman não pôde vir porque furou o pneu do Batmóvel”. A troca, quase imperceptível para o público geral, foi percebida e reprovada pelos fãs.

Ciumenta? Em conversa ao O Canal, Giovanna Ewbank revela se sente ciúmes de Bruno Gagliasso em cenas românticas. Assista:

Clique para comentar!

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

  Subscribe  
Notify of

Coluna

Geniosa, Tatá Werneck revoluciona humor brasileiro e conquista unanimidade do público na TV

Published

on

Geniosa, Tatá Werneck revoluciona humor brasileiro e conquista unanimidade do público na TV. (Foto:: Gianne Carvalho/Divulgação)

Geniosa, Tatá Werneck revoluciona humor brasileiro e conquista unanimidade do público na TV. (Foto:: Gianne Carvalho/Divulgação)

No último século, o brilhante jornalista, romancista e cronista Nelson Rodrigues (1912 – 1980) criou uma frase que, mal sabia ele, perduraria por muitas décadas depois. “Toda unanimidade é burra. Quem pensa com a unanimidade não precisa pensar”, disse o escritor, em uma de suas críticas à sociedade. Nesse texto, não tiro a razão de Nelson Rodrigues. Ele pode até ter nossa compreensão, mas nem sempre. Há casos em que uma unanimidade não é burra e, a partir disso, posso citar tranquilamente Tatá Werneck como um grande exemplo!

Leia também: Em novembro, Porchat cresce 22% na audiência e bate recorde mensal desde a estreia

No ano de 1994, aos onze anos de idade, Tatá Werneck destacou-se no programa Xuxa Park, na Globo. Após isso, se formou em publicidade e começou a conquistar suas primeiras aparições profissionais na TV. Na extinta MTV, ela fez a sua estreia em 2010 no programa humorístico Quinta Categoria. Repleta de talentos e improvisos imediatos, a moça foi escalada para outras produções da casa e seu reconhecimento foi crescendo cada vez mais.

Após o sucesso de bilheteria do filme De Pernas Pro Ar 2, a atriz recebera convites para assinar contratos com a TV aberta. A Rede Globo, por sua vez, contrariou as concorrentes e lhe ofereceu uma participação no folhetim das nove Amor à Vida. Em 2013, embora ela acreditasse que se enquadrava no “padrão-novela”, Werneck realizou um excelente desempenho nos testes e foi admitida na produção como a piriguete Valdirene.

Leia também: Em nova fase, Leo Dias brilha com sua versatilidade no Fofocalizando

A aceitação da personagem diante ao público foi gigantesca e, a partir dali, ela passou a alçar voos mais altos e conquistar as maiores premiações da TV brasileira por sua atuação e humor. No começo de 2017, ganhou o Lady Nigh no Multishow, programa de entrevitas que tornaria a atriz uma das principais e únicas unanimidades brasileiras.

No talk show, ela mostrou ser uma figura hilária e única. Dona de um improviso inato, tudo que ela toca vira risada para o telespectador – e sempre de uma forma muito enigmática. Ninguém sabe como isso acontece, mas todos reconhecem que é muito bom. A liberdade da mente delirante da humorista domina o palco e lhe faz gigante o tempo todo.

Além disso, ela revolucionou o humor na TV brasileira atual. Com programas que fazem sátiras e tem o prazer de diminuir o outro/diferente, ela nada contra a corrente e mostra tamanha inteligência ao saber rir de si mesma. Diversas piadas que escracham a própria âncora, seu namoro, família e sua vida sexual são bem comuns no Lady Night que está em sua terceira temporada no Multishow.

Leia também: A Fazenda já tem a melhor audiência em 06 anos

A atual temporada ainda está na metade, mas já é considerada pela crítica e público a melhor já produzida pelo canal fechado. Isso porque, com uma extensa lista de artistas querendo participar, ela levou ao sofá personalidades fora de seu ciclo de amizades, diferentemente do que aconteceu na maioria dos programas das edições anteriores. Em um bate papo com grandes nomes da música e/ou TV, o Lady Night veio ainda mais maduro, com uma Tatá mais humana, permitindo-se ser surpreendida e ficar tímida com as situações apresentadas.

Ovacionada e bastante elogiada por todos que lhe assiste, Tatá Werneck tornou-se uma excelente unanimidade, que a fez ganhar, inclusive, exibição semanal na Globo a partir de janeiro de 2019, a pedido do grande público. Como dito anteriormente, Nelson Rodrigues poderia até ter razão ao falar sobre unanimidades, mas, há unanimidades e unanimidades. E em casos como o da extraordinária artista, acredito que até o velho escritor concordaria comigo.

Continue Lendo

Audiência da TV

SBT emplaca quatro programas com dois dígitos no horário nobre. Confira os consolidados desta sexta-feira, 23

Published

on

As Aventuras de Poliana marcou dois dígitos nesta sexta-feira. Confira os consolidados de 23/11/2018. (Foto: Reprodução/SBT)

As Aventuras de Poliana marcou dois dígitos nesta sexta-feira. Confira os consolidados de 23/11/2018. (Foto: Reprodução/SBT)

Nesta sexta-feira, 23 de novembro, o SBT conseguiu emplacar quatro programas em horário nobre, alcançando dois dígitos para As Aventuras de Poliana, que marcou 11 pontos, Roda a Roda, 10 pontos, Chiquititas, 10 pontos e Programa do Ratinho também com 10 pontos.

Cada ponto equivale a 71.855 domicílios na Grande SP.

Confira os consolidados de sexta-feira, 23 de novembro:

Média do dia (7h/0h): 13,4
Bom Dia São Paulo 8,5
Bom Dia Brasil 9,3
Mais Você 7,0
Bem Estar 6,4
Encontro 6,5
SP1 11,0
Globo Esporte 10,0
Jornal Hoje 9,7
Vídeo Show 7,6
Sessão da Tarde: De Repente 30 10,0
Belíssima 12,2
Malhação 12,6
Espelho da Vida 15,2
SP2 19,6
O Tempo Não Para 22,7
Jornal Nacional 26,8
O Sétimo Guardião 28,1
Globo Repórter 20,7
Máquina Mortífera 13,5
Jornal da Globo 8,1
Conversa com Bial 5,9
Empire 4,2
Corujão: A Negociação 3,5
Corujão 2: Visões de um Crime 3,3

Média do dia (7h/0h): 6,9
Primeiro Impacto 5,5
Bom Dia & Cia 6,3
Fofocalizando 5,4
Casos de Família 4,7
Teresa 5,6
Carrossel 6,9
SBT Brasil 7,4
Roda a Roda 10,0
As Aventuras de Poliana 11,6
Chiquititas 10,1
Programa do Ratinho 9,9
Tela de Sucessos: Menina dos Olhos 8,7
The Noite 6,3
Roda a Roda (reapresentação) 5,0
Operação Mesquita 3,9
SBT Notícias local 3,5

Média do dia (7h/0h): 8,1
Balanço Geral Manhã 2,2
São Paulo no Ar 4,1
Fala Brasil 4,5
Hoje em Dia 4,9
Balanço Geral SP 9,3
Bela a Feia 6,6
Essas Mulheres 5,4
Cidade Alerta 12,8
A Terra Prometida 9,5
Jesus 9,8
Jornal da Record 8,1
A Fazenda 10 10,3
Super Tela: Ruas Sangrentas – O Acerto Final 5,9
Inteligência e Fé 2,1
Igreja Universal 0,4

[SEM DADOS DA EMISSORA]

[SEM DADOS DA EMISSORA]

Leia também:

— Confira três momentos de Anitta “pistola” em sua nova série
— Evaristo Costa muda visual, se arrepende e vira chacota na web
— Wesley Safadão aparece com machucado no corpo e preocupa fãs

Continue Lendo

Multishow

Terceira temporada de Lady Night estreia nesta segunda, 12

Published

on

Tatá Werneck apresenta o Lady Night. (Foto: Reprodução)

Tatá Werneck apresenta o Lady Night. (Foto: Reprodução)

A terceira temporada do Lady Night, talkshow apresentado por Tatá Werneck no Multishow, estreia na próxima segunda, 12, às 22h30, com novos convidados e muitas novidades.

Nesta terceira edição, o programa contará com 25 convidados, entre eles estarão: Caetano Veloso, Patricia e Tiago Abravanel, Angélica, Padre Fábio de Melo e Reynaldo Gianecchini.

“A cada temporada a Tatá se supera e encontra novas maneiras de abordar o convidado e conduzir o programa. Ela amadureceu muito como apresentadora e entrevistadora”, explica Lilian Amarante, a diretora geral do programa.

O episódio de estreia ficará por conta de Tiago e Patrícia Abravanel. “A nossa inspiração é a Tatá em primeiro lugar. Esse universo todo que é específico dela e que vem com força porque ela participa de todas as etapas de construção dos roteiros. Mas o processo todo, o encontro dos roteiristas e o convívio diário de tanta gente talentosa também gera muitos frutos. É uma redação muito alegre e criativa. Isso inspira qualquer um”. concluiu Lilian.

Também estarão presentes: Alice Braga, Alok, a dupla Anavitória, Carlos Alberto de Nóbrega, Ceará, Elba Ramalho, Eliana, Fernando & Sorocaba, Gracyanne Barbosa, Grazi Massafera, IZA, Lázaro Ramos, Luísa Sonza, Maiara & Maraisa, Marcelo Médici, Marco Pigossi, Miguel Falabella, Paolla Oliveira, Roberta Miranda, o grupo Rouge, Rubinho Barrichello, Sonia Abrão e Susana Vieira, entre outros.

O programa, que já está em sua terceira temporada, tem ganhado boa repercussão com o público e vem recebendo críticas positivas da imprensa.

A redação final é assinada por Tatá Werneck, Caito Mainier e Flavio Boggi, com desenvolvimento artístico de Pedro Antonio Paes, direção de Rogério Farah, direção geral de Lilian Amarante e produção da Floresta.

Leia também:
— Tudo sobre O Sétimo Guardião, nova novela das nove
— Confira o que está por vir na estreia de O Sétimo Guardião
— A rápida passagem de Lula pelo Teleton

Continue Lendo